Como escolher brinquedos seguros e adequados para as crianças.

Esta época de Natal é propícia para você escolher bons brinquedos para suas crianças. Além de ajudar no desenvolvimento delas, ainda terão a companhia dos amigos, estimulando a competição, a harmonia e o relacionamento interpessoal.
Os brinquedos trazem um mundo de diversão para as crianças, mas é preciso se atentar para a saúde e segurança na hora de escolher o melhor brinquedo para elas.
Segundo o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), os brinquedos não devem ter pontas ou extremidades cortantes e partes ou peças pequenas que possam se desprender com facilidade e provocar acidentes. Também não podem ser fabricados ou pintados com material tóxico, uma vez que as crianças costumam desmontá-los, colocando-os, geralmente, na boca, no nariz e nos ouvidos, aumentando a probabilidade de riscos de asfixia, inalação ou intoxicação por via oral, o que pode transformar os brinquedos em verdadeiras armadilhas se não forem bem projetados para a faixa etária a qual se destinam.

As principais recomendações do órgão são:
a) No ato da compra, exija o selo de identificação da conformidade ou selo de certificação [do Inmetro]. Ele demonstra que o produto atende a requisitos mínimos de segurança estabelecidos em normas e regulamentos.

b) Não compre produtos no comércio informal, apenas no comércio legalmente estabelecido. Os comprados no comércio informal, geralmente mais baratos, na quase totalidade dos casos são produtos irregulares e, apenas como exemplo, podem conter substâncias tóxicas na sua composição.
Exija sempre a nota fiscal do estabelecimento onde comprou para que haja responsabilidade social em caso de acidente ou defeito no produto.

c) Antes de entregá-los às crianças, leia atentamente as instruções de uso, que orientam quanto ao uso seguro do produto. Cuidados especiais devem ser observados na retirada das embalagens, que podem ter grampos metálicos, papéis com tintas inadequadas, etc.

d) Particularmente para brinquedos, deve ser dada atenção à faixa etária recomendada para o produto. Peças pequenas, em especial, são muito perigosas se usadas por crianças com idades inadequadas. Cabe total atenção nos lares onde existam crianças com diferentes faixas etárias.

Se precisar, procure a Ouvidoria do Inmetro: 0800-285-1818 ou http://www.inmetro.gov.br/ouvidoria/index.asp.

Recomendações de especialistas
Para os menores de 18 meses, o ideal é que as peças sejam leves, com cores chamativas, de fácil manuseio e grandes, para que não haja risco de engoli-las.
Para crianças a partir de 3 anos, são recomendáveis, entre outros, bicicletas, skates e patinetes. Sempre utilizando itens de segurança, como caneleiras, joelheiras etc. No caso das bicicletas, o ideal é que tenham rodinhas.
Para os de 3 a 6 anos, é bom presentear com um brinquedo que lhe traga a sensação de companhia, um universo particular, como um ursinho ou boneca. Mas cuidado para o risco de alergias e procure higienizá-los periodicamente.
Para os que têm a partir de 6 anos, os jogos eletrônicos já podem ser utilizados, mas sempre com o enfoque educativo, aqueles que não contenham violência.

A Neokids deseja a todas as famílias um Natal cheio de diversão e bons sentimentos e um 2014 com muito mais conquistas! Boas festas!